Posts in category Contos


Contos

C&S

No verão de 2006, enquanto viajava pela Europa, tive de fazer uma paragem rápida em Toulouse, por algumas horas, mas acabei por ficar quatro dias devido a um inesperado mau tempo. Chovia pouco, mas as nuvens que estavam carregadas como algodão ensopado e a baixa temperatura e os fortes ventos sem direção fizeram com que vários voos fossem cancelados inclusive o meu para Paris, naquela mesma noite. Liguei para a minha secretária em Luanda logo que me apercebi disso e pedi que cancelasse todas reuniões marcadas para os próximos seis dias e que se desculpasse aos nossos clientes pelo transtorno. Visto que não havia nada que podia fazer para mudar o tempo, decidi ficar por um dos hotéis no aeroporto Toulouse-Blagnac e evitar transtornos adicionais, pois as ruas daquela cidade e suas estradas estreitas estavam um caos. A desordem era visível dos portões do aeroporto.

Read more 0 Comments
Contos

PARA QUE DISCUTIR COM A MADAME

Com essas roupas usadas, cabelo meio desarrumado e sorriso de quem vive de favores, nada posso dizer. Sinto uma imensa vontade de fazer algo toda a vez que ela abre a boca e diz suas típicas barbaridades, mas acabo sempre com a mesma pergunta, vagueando pela mente, infelizmente, sem resposta. Por vir de tão longe, ela não sabe como é estar na minha pele, desconhece o ofício de ser eu ou de alguém similar a mim nessa terra recém-descoberta. Desconhece a dor de não poder dançar ao ritmo que meu corpo exige toda a semana, pois, de onde vem, música é coisa fina, dois passos e volta a sentar-se, sem nem transpirar ou riscar o chão de tanto dançar, sem nem sentir o cheiro da alma dançante de seu parceiro.

Read more 0 Comments